domingo, 27 de julho de 2008

Poema 6





o meu pensamento

não respeita janela

voa com o vento:
ora nesta nuvem
ora naquela


(e também minha garganta
dentro da noite, canta
sua fuga da cela.

é preciso cautela:
pois há muito perigo
se minha boca revela
que durmo contigo
mas sonho com ela.)




( Por Alan Miranda)

Um comentário:

Lara-Larissa disse...

Vc só não ganhou uma fã com esse blog, pq eu já era antes dele. Fico muito feliz que vc tenha enfim exposto todo esse talento.
Rumo ao livro!
Te admiro imensamente!

Beijos carinhosos!